MENU
OUVIR

Brucelose Bovina

Brucelose Bovina é uma doença contagiosa dos animais, que se transmite naturalmente entre os animais, mas também dos animais ao homem, assumindo por isso a designação de Zoonose. É causada por uma bactéria de nome Brucella abortus, B. melitensis e B. suis.

Para além dos bovinos, a bactéria pode infetar outros animais domésticos e também animais selvagens.

Nos humanos a brucelose é uma doença grave, com maior prevalência em determinados grupos profissionais. Trabalhadores de matadouros, médicos veterinários e tratadores de animais, integram grupos de risco, pela exposição frequente ao contacto com a bactéria.

Por outro lado, o consumo de leite cru de animais infetados, ou queijo não curado feito a partir desse leite, é também um fator de transmissão da doença ao homem. Esta via de transmissão é no entanto evitada através do consumo de leite devidamente pasteurizado, de queijo curado ou queijo fresco feito de leite pasteurizado.

Constitui assim a brucelose bovina não só um problema de saúde animal, mas também uma preocupação de saúde pública, em face da qual são implementadas campanhas, que através da prevenção e controlo da disseminação da doença conduzem à sua erradicação. As medidas aplicáveis encontram-se formalizadas nos Programa de Erradicação. Estes são elaborados anualmente e apresentados à apreciação e aprovação da Comissão Europeia. Foram cofinanciados até 2023.

Relatórios técnicos dos Programas de Erradicação da Brucelose Bovina – ver mais

Manuais de Procedimentos 

Legislação 

Ficha Informativa da Organização Mundial de Saúde Animal

Lista de Laboratórios Nacionais de Referência

Laboratórios contratados pelas autoridades veterinárias, para análises no âmbito do programa de vigilância e erradicação da brucelose bovina

Regiões indemnes de brucelose bovina:

Os distritos de Aveiro, Viseu, Guarda, Coimbra, Leiria, Castelo Branco, Santarém, Setúbal e Faro e todas as ilhas da Região Autónoma dos Açores com exceção de S. Miguel, estão reconhecidas pela Comissão Europeia como regiões indemnes de brucelose bovina.


Doenças dos Bovinos

© 2024 | Direção-Geral de Alimentação e Veterinária

Skip to content